artigo

IDEIA, CRIATIVIDADE OU INOVAÇÃO

A inovação vem sendo tratada como diferencial estratégico nos últimos tempos, pois em um ambiente cada vez mais dinâmico e competitivo, este é um meio com que as empresas encontram para responder à problemas organizacionais dos mais fáceis aos mais complexos, de forma criativa, colaborativa e rápida para assim perdurarem sua existência no mercado.

 

A inovação é vista como um dos principais pontos que fomentam o desenvolvimento econômico e social, portanto, o assunto se torna relevante, pois, passa a ser uma condição para que as nações possam responder as mudanças com rapidez no cenário global (OECD, 2007). Um dos principais alvos das políticas econômicas das nações são o desenvolvimento econômico, que é influenciado por vários aspectos culturais/sociais (SHARIPOV, 2016).

 

Segundo Dewes et al. (2011), a criatividade, “por si só”, não é inovação, mas dela participa de maneira indissociável. Com base neste conceito pode-se simplificar que a criatividade é a geração de ideias e inovação é a implementação das ideias de um modo a gerar resultados práticos. No ambiente de incerteza socioeconômico que as organizações estão inseridas, está claro que no mundo empresarial o pensamento criativo, a inovação e a produtividade, tanto em produtos como em serviços, são componentes essenciais para o sucesso futuro (PAROLIN; 2001).


Para facilitar o entendimento, precisamos desmistificar os conceitos que rodeiam a inovação, a saber:

1) Ideia: representação mental de algo concreto, abstrato ou quimérico.

2) Invento: ato ou efeito de inventar, de engendrar, de criar algo (concreto ou abstrato), algo que ainda precisa ser melhorado, ou seja, um protótipo, um teste em pequena escalda, um produto e serviços sob avaliação.

3) Inventor: aquele que, por sua engenhosidade, estudo, inventividade, cria ou criou algo novo, original.

4) Criatividade: geração de ideias.

5) Descoberta: ação, processo ou efeito de patentear ou revelar (o que não se sabia ou se achava escondido).

6) Explotação: é o desenvolvimento comercial, aplicação, e transferência de um invento, de uma ideia.

 

A criatividade é o diferencial competitivo das organizações, e deve estar presente nas tomadas de decisões, nos processos de desenvolvimento de novos produtos e processos e nas relações de trabalho. A importância da criatividade como o fator chave para a inovação e a competitividade, e alertam que as empresas precisam investir cada vez mais no potencial humano e na sua capacidade inovadora, de modo a propiciar um ambiente favorável ao desenvolvimento da criatividade dentro da organização. Por estar intrinsecamente relacionada à inovação, a criatividade torna-se uma habilidade crucial na resolução de problemas organizacionais.

 

CRIATIVIDADE | INOVAÇÃO | ESTRATÉGIA

Mentor | Professor | Palestrante | Facilitador   
❤️ #inspirar pessoas #transformar negócios
????Transformador de Negócios